Destaque 1 Sul Fluminense

Caminhoneiros da região não apoiarão possível greve, diz associação



Por Tribuna

A Associação dos Caminhoneiros Autônomos do Sul Fluminense não apoiará a possível greve da categoria que estaria marcada para o próximo dia 30, sábado que vem.

A informação foi passada por Nelson Junior, vice-presidente da associação. Na greve do ano passado, ele estava na coordenação nacional do movimento.

“Neste momento não é viável. São notícias compradas e pessoas infiltradas em grupo de WhatsApp que querem incitar a greve”, disse Nelson Junior, afirmando que o governo federal permanece com o diálogo com a categoria.

Segundo ele, alguns pontos estão sendo cumprindo como a isenção de pedágio com os eixos levantados, a tabela de preço do frente e o vale pedágio. No entanto, Nelson Junior critica a falta de fiscalização da ANTT (Agência Nacional de Transporte Terrestre)

“Falta de fiscalização das leis. ANTT precisa ser mais rígida e punir as empresas. Há uma forma eletrônica para essa fiscalização ocorra”, disse o representante dos caminhoneiros.

Mas a principal reivindicação da categoria é o valor do diesel, que vem aumentando.

Atualmente, há em torno de mil caminhoneiros autônomos no Sul Fluminense.



2 Comentários

    • Leonardo 21:58

      Boa noite hoje temos representatividades na regiao sul fluminense por isso as coisas estão andando.

    • Fernando 11:28

      Eu apoio os caminhoneiros, a classe mais sem prestigio do país. Tirem dos políticos e da corrupção que jamais vai acabar e da aos caminhoneiros

Deixe seu comentário

error: Content is protected !!
close