Política

Com morte de deputado, Sul Fluminense terá mais uma cadeira na Alerj



Por Tribuna


Eurico Júnior (PV), que é de Vassouras, vai assumir uma cadeira na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj). A vaga foi aberta com o falecimento do deputado estadual João Peixoto (DC), de 75 anos. Assim, o Sul Fluminense terá três representantes ao legislativo estadual – os outros são Gustavo Tutuca e Marcelo Cabeleireiro.

Ele faleceu nesta quarta-feira (30) em decorrência da Covid-19. Peixoto estava internado no Hospital Dr. Bêda, em Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense, desde o dia 27 de agosto. Ele exercia seu sexto mandato na Alerj e era líder de seu partido na Casa. Era casado e pai de três filhos.

Eurico Júnior governou Vassouras entre fevereiro de 2006 e dezembro de 2008. Ele também foi prefeito de Paty do Alferes duas vezes, entre 1988 a 1991 e 1996 a 1999. Ele já exerceu também o cargo de deputado federal, assumindo a cadeira em janeiro de 2013, depois que o titular, Dr. Aluízio, do qual era suplente, se elegeu prefeito de Macaé. Eurico tem 61 anos e teve 17,8 mil votos nas eleições de 2018.

O presidente da Alerj, André Ceciliano (PT) decretou luto oficial de três dias pela morte de Peixoto e, nesta quarta, será realizada uma sessão solene em homenagem ao parlamentar


Deixe seu comentário

error: Content is protected !!
close