Destaque 1

Cartaz de suspeito de confusão em Angra é divulgado




O Disque Denúncia de Angra dos Reis (0300 253 1177), através do   Portal dos Procurados divulga, nesta terça-feira (11), um cartaz para ajudar nas investigações da 166ª DP – Angra dos Reis – a fim de obter informações que levem à localização e prisão de Roni Souza Ferreira, de 20 anos. Ele é o principal suspeito de efetuar vários disparos após show em comemoração ao aniversário da cidade de Angra dos Reis, Costa Verde, no litoral do Rio de Janeiro, na última sexta-feira (07). Ele já é considerado um foragido da Justiça.

O show de uma dupla sertaneja em Angra dos Reis, terminou com um tiroteio que deixou cinco pessoas feridas, duas delas em estado grave. Um rapaz recebeu um tiro à queima-roupa no pescoço, enquanto uma jovem foi atingida na cabeça. O evento, que reuniu um grande público na praia do Anil, começou na noite de quinta-feira (6) e acabou na madrugada. Assim que a apresentação se encerrou, uma briga foi registrada em vídeo pelos espectadores e então são ouvidos tiros.

Testemunhas ouvidas pela polícia e que publicaram relatos em redes sociais dão duas versões para os disparos. Algumas afirmam que os tiros foram em reação a uma briga, enquanto outras garantem que o autor passou pelo local e disparou aleatoriamente, sem ter um motivo ou um alvo específico.

Segundo investigações da distrital, marginais, de grupos rivais, teriam se encontrado e um deles teria efetuado os disparos. Acredita-se que eles tenham se deparado de forma aleatória, vindo o autor efetuar disparos contra um desafeto, e naquele cenário de aglomeração, acabou atingindo diversas pessoas”, disse o delegado responsável pelo caso.

Contra Roni Souza, há um Mandado de Prisão, pela 1ª Vara Criminal da Comarca de Angra dos Reis, Número do Mandado CNJ: 0005509-63.2021.8.19.0003.01.0001-25, pelo crime de Homicídio Qualificado (Art. 121, § 2º – Cp), em um inquérito oriundo da 166ª DP, com pedido de Prisão Preventiva.

Quem tiver informações sobre Roni Souza Ferreira, pode entrar em contato com o Disque Denúncia através do telefone 0300 253 1177 (custo de ligação local), pelo aplicativo “Disque Denúncia RJ”, ou ainda pelo WhatsApp do Portal dos Procurados (21) 98849-6099. Em todos os canais, o anonimato é garantido ao denunciante.


Deixe seu comentário

error: Content is protected !!
close