Paraíba do Sul

Idosos de asilo morrem de Covid e prefeitura assume administração



Por Tribuna


Nos últimos 20 dias, cinco idosos morreram de Covid no Asilo Lar Vicentinho, na cidade de Paraíba do Sul. Diante disso, a prefeitura – por meio de decreto – assumiu a administração do local e ex-presidente da casa renunciou. Os 25 funcionários do asilo foram afastados e serão substituídos por servidores públicos.

A decisão foi publicada em decreto e vale por 180 dias. No decreto, a prefeitura aponta que a administração havia perdido o controle sanitário do espaço em relação às medidas de prevenção do novo coronavírus

“Nós tivemos cinco óbitos por coronavírus nas últimas semanas. Representa quase 20% dos óbitos de coronavírus na nossa cidade. Isso muito nos preocupa. Essa preocupação foi levada ao Ministério Público e à direção do asilo. Nós estamos, com apoio do Ministério Público Federal, fazendo um decreto onde a prefeitura vai fazer uma intervenção por 180 dias”, disse o prefeito de Paraíba do Sul, Alessandro Bouzada, em entrevista ao G1.

— Nós tentamos orientar as pessoas lá dentro, nós fizemos testes, nós fizemos capacitação, mas não foi o suficiente. Vamos em frente tomando essa atitude de cuidar dos nossos idosos do Lar Vicentino — prosseguiu

Após os 180 dias de intervenção da prefeitura, a gestão será devolvida a uma nova diretoria, que será constituída de acordo com o estatuto social do asilo.

Além das cinco óbitos, outros seis estão infectados e estão em isolamentos. Atualmente, o local abriga 21 idosos. Foto: Leandro Loureço. Com informação do G1.


Deixe seu comentário

error: Content is protected !!