Volta Redonda

Conheça o trabalho da equipe do brother Eliezer nas redes sociais




A participação no “BBB22” não se resume ao que os convidados fazem no confinamento. Pelo contrário (e cada vez mais), o trabalho das redes sociais tem se mostrado uma peça importante no jogo.

Ser o administrador, o famoso ADM, das contas de um participante de “BBB” requer uma dedicação quase que exclusiva. No grupo Pipoca, sem famosos, amigos e familiares costumam comandar tudo.

A equipe de Eliezer, de Volta Redonda, é formada amigos que são da área de comunicação. Eli é publicitário, o que facilitou a sua escolha. Antes do programa, eram 11 integrantes – mas devido a demanda, a equipe ganhou mais dois.

O próprio Eli selecionou as pessoas para compor a equipe. O pré-requisito era que fossem amigos dele. “Por sorte, ele é da área e, consequentemente, boa parte dos amigos também”, disse a assessora Fernanda Jacob.

“Inicialmente, não há recursos financeiros e a equipe é bem colaborativa porque os trabalhos se complementam muito”, disse a assessora de imprensa.

”Por exemplo, as pessoas responsáveis pelo monitoramento precisam estar em contato direto com o pessoal da captação que, por sua vez, passa o material para os social media”, disse ela.

Em menos de uma semana, ele ganhou 327 mil seguidores no Instagram, rede social predileta do sister de Volta Redonda.

“A assessoria precisa estar totalmente conectada a tudo que está acontecendo, já que as coisas podem mudar a cada minuto, literalmente”

A equipe se reveza para que haja um monitoramento de 24 horas do programa. E tudo é anotado e discutido em reunião de trabalho.

Parte do trabalho acontece homeoffice, mas também a casa do Eli como QG. “Também temos como suporte a produtora de um amigo que faz parte da equipe”.

– Estar produzindo para um dos meus melhores amigos está sendo uma experiência incrível. São muitos anos de amizade e perrengues, então acompanhar e produzir para ele fica fácil. Além disso, estou em um time incrível, ao lado de amigos da área”, disse Marcelo Cinigalha, 31 anos, filmaker

A equipe trabalha para esclarecer polêmicas e pensa na imagem pós-BBB.

Uma das polêmicas foi o fato de Eli não ter citado Volta Redonda no vídeo de apresentação. Logo, a equipe publicou uma série de Stories mostrando ele em Volta Redonda.

A risada dele, com som de porco, a equipe levou na brincadeira e virou a marca do sister de Volta Redonda. No Twitter e no Instagram, um emoji de porco foi inserido nas contas.

No Instagram, em média, a equipe posta 20 Stories. Nesta quinta-feira (20), a piada foi o Eliezer errar o nome do apresentador, Tadeu Schmidt, o chamando de Tadeu Smith.

E que a equipe de Eli aqui fora trabalhe por mais três meses, chegando na final do BBB 22.


1 Comentários

    • João Batista 20:12

      Nossa, então eles estão fazendo um péssimo trabalho, pq eu nem sabia que o BBB já está na edição 22 quanto mais que um voltaredondense estava participando!

Deixe seu comentário

error: Content is protected !!
close