Destaque 1

Falsa advogada é presa por suspeita de estelionato no Sul Fluminense




Uma mulher de 36 anos que se passava por advogada foi presa por suspeita de estelionato na manhã desta terça-feira (28) em Barra do Piraí (RJ).

Segundo a Polícia Civil, a mulher é bacharel em direito, mas não possui inscrição na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

O crime funcionava assim: as vítimas assinavam uma procuração à advogada, que realizava empréstimos no nome delas, mas só repassava parte do dinheiro obtido por empréstimos ou benefícios previdenciários.

Após as investigações, as polícias Civil e Federal realizaram uma operação para cumprir três mandados de busca e apreensão na casa dela, no bairro Dr. Mesquita.

A Polícia Civil informou que ela acabou presa após os agentes encontrarem diversos documentos, procurações e cartões que apontam indícios da prática do crime.

Também foram encontrados modelos de atestado médico em branco e rascunhos feitos pela mulher com a prescrição de doenças e carimbos médicos. De acordo com a polícia, os documentos eram falsificados para que ela conseguisse benefícios previdenciários.

A suspeita possui antecedentes criminais por lesão corporal, ameaça, falsa identidade, desacato, resistência e furto. Ela foi levada para a delegacia de Barra do Piraí e vai responder por estelionato, exercício ilegal da profissão, crime contra os idosos e crime contra a Previdência Social.


Deixe seu comentário

error: Content is protected !!