Sul Fluminense

Nova diretoria do Sindicato dos Bancários do Sul Fluminense é empossada


A nova diretoria administrativa do Sindicato dos Bancários do Sul Fluminense, gestão 2020/2024, foi empossada na noite desta terça-feira, 14. A cerimônia, realizada na Sede Campestre, em Barra Mansa, formalizou a transmissão do cargo de coordenador presidente da entidade sindical de Péricles Lameira, o Cabral (Santander), para Julio Cunha (Bradesco).

Presentes ao evento, o vice-presidente da Contraf-CUT (Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramos Financeiro) Vinícius de Assumpção Silva; o secretário geral e o diretor da Fetraf (Federação dos Trabalhadores do Ramo Financeiro do Rio de Janeiro e Espírito Santo), Max Bezerra; o presidente do Sindicato dos Bancários de Angra dos Reis, Rogério de Almeida Salvador; o diretor do Sindicato dos Bancários do Rio de Janeiro, José Ferreira; o diretor do Sindicato dos Bancários de Niterói, Fabiano Júnior, o ,secretário geral e o diretor de políticas social do Sindicato da Construção Civil de Volta Redonda, Zeomar Tessaro e Jamiro Antônio Alves, além de bancários, familiares e amigos.

Durante o evento, o vice-presidente da Contraf, Vinícius Assumpção, assim como o secretário geral da Fetraf/ RJ-ES, Max Bezerra, parabenizaram a nova diretoria e comentaram sobre a complexidade do momento vivido pelo Brasil. “O Sindicato dos Bancários do Sul Fluminense tem um histórico de luta em favor do trabalhador e especificamente neste ano o grande desafio apontado até o momento, é a campanha salarial da nossa categoria e o combate aos ataques aso direitos e em estar dos trabalhadores. A nova diretoria, sucesso, garra e muita luta”, ressaltaram.

O diretor Miguel Pereira fez uma saudação especial aos diretores que concluíram seus mandatos, mas destacou que a luta continua. “Esta é a única maneira para transformar a realidade da classe trabalhadora. Os desafios estão postos e não são poucos. Diante da conjuntura atual, onde as empresas, principalmente os bancos, tomaram posse do Estado, o Sindicato é muito importante para defender os interesses dos trabalhadores”, disse.

Péricles Lameira, carinhosamente conhecido como Cabral, afirmou estar deixando o Sindicato em boas mãos. “Nossa entidade está se renovando. Sempre que tenho oportunidade, lembro da necessidade de renovação e de que o Sindicato é dos bancários e bancárias. Agradeço a todos que contribuíram nessa jornada”.

O presidente recém empossado Julio Cunha agradeceu a Deus, familiares, amigos e aos funcionários do Sindicato. “Reafirmo aqui meu compromisso com os bancários, a agenda de luta em favor dos trabalhadores e por uma sociedade mais democrática, justa e igualitária”.

Na sequência, o Sindicato entregou uma placa de homenagem ao ex-presidente da entidade na década de 80, Antônio Natal Tavares. O salão de festas da Sede Campestre também recebeu o nome do bancário como reconhecimento aos relevantes serviços prestados em benefícios dos bancários e da sociedade barra-mansense.

Antônio Natal se disse muito honrado com a homenagem. “Essa vontade de fazer o bem, de buscar um mundo melhor é que faz a diferença no dia a dia. Agradeço o carinho de cada funcionário do Sindicato”, concluiu.

Deixe seu comentário

error: Content is protected !!