Paraty

Polícia instaura inquérito para apurar causas de incêndio em Paraty



Por Tribuna

Nas redes sociais, o delegado de Paraty, Marcelo Russo, divulgou que abriu um inquérito para apurar as causas do incêndio que matou três crianças na cidade litorânea.

— Imediatamente instauramos procedimento para averiguar a causa e as circunstâncias do fato; também foi acionada a perícia técnica de local para a confecção do laudo pericial é demais  medidas necessárias. Meus sentimentos aos familiares das vítimas — escreveu o delegado.

As crianças foram identificadas como Ana Clara de 7 anos, Kauã de 5 anos e Maria Alice, de 4 anos. A mãe das crianças, identificada como Dara de Almeida Santos de Souza, de 25 anos, foi a única sobrevivente.

Ela inalou muita fumaça e foi levada em estado grave para o Hospital municipal Hugo Miranda, também em Paraty.

Em nota públicada em seu perfil no Facebook, a prefeitura lamentou o ocorrido e disse que pediu à polícia “prioridade absoluta” para que a causa do incêndio sejam esclarecida.

O companheiro de Dara, padrasto das crianças, não estava em casa porque tinha saído para trabalhar.

Quando as chamas começaram, os vizinhos chegaram a colocar uma escada na lateral da residência para tentar ajudar as vítimas enquanto os bombeiros não chegavam. Os bombeiros foram chamados às 7h11. As chamas foram totalmente apagadas às 8h30.


Deixe seu comentário

error: Content is protected !!