Destaque 1 Outros Política

Albertassi tem pedido de liberdade negado pela ministra Cármen Lúcia
Presidente do STF não vê justificativas plausíveis para a concessão de liberdade de forma liminar


Edson Albertassi, deputado estadual licenciado, teve o pedido de liberdade negado pela presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia. A decisão ocorreu nesta segunda-feira (2). Na justificativa, a ministra entendeu que outro pedido de liberdade feito pela defesa do parlamentar está pendente de julgamento no Superior Tribunal de Justiça (STJ) e que não há justificativas plausíveis para a concessão de liberdade de forma liminar, durante o plantão da Justiça.

O deputado, que é de Volta Redonda, foi preso no ano passado em função das investigações da Operação Cadeia Velha, da Polícia Federal, que investiga recebimento de propina em troca do favorecimento a empresas. Junto com ele, foram presos os deputados Jorge Picciani e Paulo Melo. Todos são do PMDB.

Deixe seu comentário

error: Content is protected !!