Destaque 1 Volta Redonda

Futuro do Uber em Volta Redonda será definido nesta quinta-feira


Está marcada para essa quinta-feira (6) a votação na Câmara Municipal de Volta Redonda do projeto de lei, de autoria do prefeito Samuca Silva, que regulamenta o transporte de passageiro através de aplicativos, como o Uber.

A prefeitura quer taxar os motoristas em quase R$ 350 por mês. O valor, segundo os Ubers, inviabilizaria atuação deles no município.

E ainda: haveria uma redução do número de veículos atuando pelo aplicativo – com uma queda que chega a 60%.

Outros pontos relevante do projeto: os veículos têm que ter menos de oito anos de fabricação, todos Uber precisam ter cadastros na prefeitura e mostrarem relatórios mensais ao governo.

Não satisfeitos, os motoristas do aplicativo farão nesta quinta uma manifestação contra o projeto em frente à prefeitura de Volta Redonda, na Praça Sávio Gama, no Aterrado.

O protesto iniciará às 17 horas e, em seguida, eles seguirão para Câmara Municipal, onde ocorrerá a votação às 18 horas.

Samuca nega que quer inviabilizar o Uber na cidade.

7 Comentários

    • Leitor 10:48

      Colocar leis protecionista só pra ferrar com tudo. Empresas de táxi tem que entender que o mundo é assim, concorrência!
      Não querem perder o monopólio e então querem usar artifícios que poderiam ter o tempo e empenho para questões mais graves, como nos postos de saúde dos bairros.
      Parem de dificultar as coisas! Deixem eles trabalhar!

    • Sandra Serpa 10:58

      Concordo com a opinião do leitor acima. São absurdas as exigências do prefeito. E aqueles táxis da rodoviária, têm até 8 anos de uso? Sem contar que os motoristas de Uber não têm isenção alguma na hora de comprar seus carros. Melhore o transporte público da cidade, prefeito, ao invés de ficar inventando problemas para quem presta um serviço bom e com preços acessíveis!

    • RICARDO BELLO MAIA 11:35

      Regulamentação existe em todo modo de trabalho, então porque seria diferente com os carros de apps. Táxis e ônibus tem direitos e deveres mas os apps só querem ter direitos….

    • PJ 11:53

      Concorrencia desleal
      Vai no comércio e o cara abre uma loja com a metade do preço ou menos da metade ora ver o que acontece com as outras lojas..
      Tem quer ter concorrência sim,
      + concorrencia leal
      Pq pela crise a população,eu,vc,fulano vendo o mxm produto cm metade do preço sempre irá no + barato..tds pagam impostos
      É diretos & deveres tbm! Democracia e igualdade para tds..!

    • Silvio 13:27

      Taxi e que tem que acabar ,uma tarifa cara demais para os padroes da sociedade so pra sentar no taxi e o preço da tarifa da uber.

    • MAGOO 14:32

      Outra lei idiota!!! Como vão vigiar quem é UBER? O carro tem cor diferente, tem placa pregada na porta, a prefeitura tem acesso ao cadastro do UBER para saber qual placa de carro é UBER? Até onde eu conheço, qualquer carro de particular pode se cadastrar no UBER e operar.
      A prefeitura não controla nem ÔNIBUS (vide fiscalização de ontem, a primeira em 30 anos?)
      vai controlar carros????!!!

    • Euznha 15:18

      Samuca é um idiota. Tem q ter Uber viagem livre.
      Temos direito de escolher como ir e vir.samuca não tem q ficar controlando carros particulares.
      A Uber sempre deu certo.o aplicativo é seguro
      Os taxistas cobram muito caro.ja sai do local da viagem com uma tarifa absurda.
      As empresas de ônibus pagam propina para circular na cidade e com um valor absusivo de valor da passagem.

      Samuca tem q preocupar com. A saúde e os salários dos funcionários q são baixos e demoram a pagar para eles.

      Táxi tem q baixar seu preço.

      Uber tem q continuar

      #APOIOUBER#APOIADO

Deixe seu comentário

error: Content is protected !!